Fechar

Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro



Magistrados participam do Curso “Direito e Psicanálise”

clique nas imagens para ampliar

Desenvolvimento infantil, abuso sexual contra crianças e adolescentes, violência contra o idoso e a perversão da vida quotidiana foram alguns dos temas abordados pelo Curso de Direito e Psicanálise ministrado nos dias 1, 4, 8 e 11 de fevereiro, na EMERJ.

Durante as 20 horas-aula, os magistrados foram, capacitados para identificar a psicodinâmica perversa que permeia o quotidiano familiar e institucional, as origens da violência extrema contra bebês e as formas de abuso infanto-juvenil. O aluno também estudou os aspectos psicodinâmicos do abusador sexual de crianças e adolescentes intrafamiliar e extrafamiliar, e o abandono do idoso como uma forma de alienação parental. O conteúdo programático incluiu as leis de proteção à criança do Canadá e a experiência da Holanda com os abusadores sexuais.

Promovido pela Divisão de Aperfeiçoamento de Magistrados (DIFEI) da EMERJ, a professora responsável pelo curso, a psicóloga Maria Cintra de Almeida Prado, ofereceu aulas expositivas dialogadas e métodos ativos para análises de situações concretas e normativas relacionadas aos temas, com estudo de casos e debates, segundo as normas da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (ENFAM).

“Esse curso abordou questões delicadas, onde os juízes tiveram a oportunidade de ter um olhar mais abrangente com a interlocução sobre temas tão complexos. Ferramentas para uma melhor tomada de decisão com os conhecimentos psicanalíticos”, afirmou Maria Cintra de Almeida Prado.

As aulas foram ministradas também pelo professor e pesquisador Antônio Augusto Pinto Junior e pela psiquiatra Maria Cristina Reis Amendoeira.

Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados

A ENFAM faz visitas anuais a todas as Escolas Judiciais do país como forma de acompanhar os trabalhos realizados para o aperfeiçoamento dos magistrados. Além de verificar a estrutura das escolas, seus departamentos de formação inicial, continuada e pedagógico, os representantes da ENFAM assistem também as aulas dos cursos que estejam sendo realizados.

A equipe da ENFAM contou com a participação da desembargadora do TRF das 3ª Região Vera Lúcia Jucovsky e da servidora Fabiana de Oliveira.


12 de fevereiro de 2019.

Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional da EMERJ.