Seminário na EMERJ reúne especialistas para debate sobre o papel do Mercado de Crédito e de Investimentos e o Meio Ambiente

clique na imagem para ampliar

“O meio ambiente é um desafio permanente e depende de iniciativas daqueles que podem investir”, ressaltou o desembargador Jessé Torres Pereira Júnior, presidente da Comissão de Políticas Institucionais para Promoção da Sustentabilidade do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, durante o evento “Prevenção e Reparação de Danos Socioambientais: o Papel do Mercado de Crédito e de Investimentos”, na EMERJ, nesta segunda-feira, 09 de abril.

O encontro, promovido pelo Fórum Permanente de Direito do Ambiente, reuniu magistrados, economistas, advogados, estudantes de Direito e especialistas no tema. Durante a abertura, a presidente do Fórum, juíza Admara Schneider, falou sobre a preocupação com a equalização da conservação com o crescimento econômico do país.

A procuradora de Justiça Denise Tarin destacou: “Meio ambiente não é mais apenas uma questão de ideologia, é também uma questão de mercado”.

O primeiro painel do dia tratou das Normas Regulatórias e Iniciativas Autorregulatórias. A consultora Maria de Fátima Tosini, que foi analista do Banco Central durante muitos anos, falou sobre a regulação das questões socioambientais dentro do mercado financeiro, traçando um cronograma das leis e resoluções desde o início da década de 1980 até os dias atuais. “As instituições financeiras têm responsabilidade socioambiental nos financiamentos e nos investimentos. Os recursos do mercado financeiro não podem ser destinados a provocar danos socioambientais. Pelo contrário, esse dinheiro deve gerar uma economia sustentável sob o ponto de vista econômico, social e ambiental. O recurso do mercado financeiro deve ter um destino correto, sustentável”, ressaltou a consultora.

O evento ainda tratou de temas como “Boas Práticas do Mercado”, “Responsabilidade de Financiadores” e “Acesso a Informações de Natureza Ambiental”, entre outros. A coordenação científica ficou sob a responsabilidade da procuradora do Banco Central licenciada e diretora da Soluções Inclusivas Sustentáveis (SIS) Luciane Moessa de Souza. Participaram do evento: Anna Luiza Gayoso, procuradora do Estado do Rio de Janeiro junto ao Instituto Estadual do Ambiente (INEA); José Alexandre Maximino Mota, promotor de Justiça do Estado do Rio de Janeiro; Alexandre Raslan, procurador de Justiça do Mato Grosso do Sul, e Sandra Kishi, procuradora da República na área de Meio Ambiente de São Paulo.

Foram convidados os especialistas: Cláudio Maes, coordenador de Educação Financeira da Comissão de Valores Mobiliários (CVM); Tatiana Assali, especialista de sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas (FGV); Raquel Castelpoggi, coordenadora do Comitê de Sustentabilidade da Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (ABRAPP); Daniela Barcas, advogada do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDES); Gustavo Ribeiro, engenheiro florestal e gerente executivo de Responsabilidade Socioambiental da Caixa Econômica Federal; Maria Eugênia Buosi, economista; Vania Borgerth, superintendente de Controladoria do BNDES; Jair Schmitt, diretor do Departamento de Florestas e Combate ao Desmatamento do Ministério do Meio Ambiente (MMA); Marco Antonio de Araújo Lima, secretário executivo da Associação Brasileira de Desenvolvimento (ABDE); e a advogada Ana Luci Esteves Grizzi.

09 de abril de 2018.

Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional da EMERJ.



MAGISTRADOS

Informações sobre Cursos Oficiais de Formação e Aperfeiçoamento.

VIRTUAL EMERJ

Ambiente Virtual de Aprendizagem. Cursos Oferecidos na Modalidade a Distância.

PORTAL ACADÊMICO

Espaço destinado aos alunos e professores do Curso de Especialização em Direito Público e Privado.

EVENTOS EMERJ

Fóruns, seminários e ciclo de palestras destinadas ao público em geral.

PUBLICAÇÕES

Coletânea de Artigos Jurídicos de Diferentes Áreas do Direito.

VÍDEO INSTITUCIONAL

 Seja Bem-Vindo à EMERJ.

INFORMATIVO

Divulgação de eventos, cursos e notícias.

EVENTOS GRAVADOS

Gravação de cursos, seminários e ciclo de palestras realizados pela EMERJ.

EVENTOS EXTERNOS

Divulgação de eventos da área jurídica de outras instituições.

LANÇAMENTO DE LIVROS

Divulgação dos lançamentos de livros de autores da área jurídica.

EMERJ TV

Programação destinada ao público interno do Fórum Central.