A solução não está na punição, e sim na educação, diz advogada em evento sobre homofobia e transfobia na EMERJ

 

clique na imagem para ampliar

O Brasil é considerado o país que mais mata travestis e homossexuais no mundo. Só no ano passado, 445 lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBTs) foram mortos em crimes motivados por homofobia, o que representa uma vítima a cada 19 horas. Os dados são do Grupo Gay da Bahia (GGB) e representam um aumento de 30% em relação a 2016, quando foram registrados 343 casos.

Os números foram apresentados pela juíza Adriana Ramos de Mello, presidente do Fórum Permanente de Violência Doméstica, Familiar e de Gênero da EMERJ, ao abrir a 58ª reunião do Fórum, nesta terça-feira, 22 de maio.

A defensora pública Lívia Casseres, coordenadora do Núcleo de Defesa da Diversidade Sexual e Direitos Homoafetivos da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro, apresentou dados das agressões LGBTfóbicas: “O primeiro trimestre de 2017 apresentou um aumento de 66% das violências praticadas contra pessoas LGBTs, se comparado ao mesmo período do ano anterior”.

“A solução não está na punição, e sim na educação”, disse a advogada Maria Eduarda Aguiar da Silva, vice-presidente do Grupo Pela Vida. “É um trabalho de conscientização. Você tem que educar o policial, as pessoas que trabalham na área da saúde, todos”.

A advogada defendeu o Projeto de Lei nº 134 de 2018, que tramita no Senado e institui o Estatuto da Diversidade Sexual e de Gênero, que criminaliza a homofobia e assegura direitos à população LGBT. “Hoje em dia não temos, por exemplo, o casamento homossexual em lei, o que temos é uma resolução do STF, mas se mudar a composição do Supremo, os entendimentos podem mudar. O que queremos é a Lei”, afirmou. “Grande parte dessa luta é o processo de se colocar dentro da sociedade como pessoas que têm os mesmos direitos que qualquer um, não mais do que ninguém, mas os mesmos direitos”, concluiu a advogada.

A cientista social major da Polícia Militar Orlinda Claudia Rosa de Moraes, membro do Fórum, também participou do encontro “Comemoração do Dia Internacional de Luta contra a Homofobia e a Transfobia”.


22 de maio de 2018

Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional da EMERJ.



MAGISTRADOS

Informações sobre Cursos Oficiais de Formação e Aperfeiçoamento.

VIRTUAL EMERJ

Ambiente Virtual de Aprendizagem. Cursos Oferecidos na Modalidade a Distância.

PORTAL ACADÊMICO

Espaço destinado aos alunos e professores do Curso de Especialização em Direito Público e Privado.

EVENTOS EMERJ

Fóruns, seminários e ciclo de palestras destinadas ao público em geral.

PUBLICAÇÕES

Coletânea de Artigos Jurídicos de Diferentes Áreas do Direito.

VÍDEO INSTITUCIONAL

 Seja Bem-Vindo à EMERJ.

INFORMATIVO

Divulgação de eventos, cursos e notícias.

EVENTOS GRAVADOS

Gravação de cursos, seminários e ciclo de palestras realizados pela EMERJ.

EVENTOS EXTERNOS

Divulgação de eventos da área jurídica de outras instituições.

LANÇAMENTO DE LIVROS

Divulgação dos lançamentos de livros de autores da área jurídica.

EMERJ TV

Programação destinada ao público interno do Fórum Central.