Operadores do Direito debatem o Constitucionalismo Contemporâneo

clique nas imagens para ampliar

“É preciso saber interpretar a Constituição? As normas constitucionais devem ser interpretadas sob que ótica?” A partir desses questionamentos, a desembargadora Cristina Tereza Gaulia, presidente do Fórum Permanente de Estudos Constitucionais, Administrativos e de Políticas Públicas, abriu o evento “Constitucionalismo Contemporâneo. Do Jusnaturalismo ao Neoconstitucionalismo. Uma Caminhada rumo ao Estado Democrático de Direito”, nesta quarta-feira, 8 de maio, na EMERJ.

Antes de dar início às palestras, a desembargadora citou o texto dos juristas Daniel Sarmento e Cláudio Pereira Neto: “Evidentemente, o constitucionalismo e as concepções sobre a Constituição, que lhe são subjacentes, têm variado bastante ao longo do tempo, influenciados pelas profundas mudanças sociais, políticas e econômicas que vêm ocorrendo no mundo. Por isso e pela sua importância central nos domínios do Direito, da Política e da Filosofia, a Constituição tem sido objeto privilegiado de estudo no âmbito da história dos conceitos”.

O promotor de Justiça Guilherme Braga Peña de Moraes, membro do Fórum, falou da prática sobre questões contemporâneas que afetam o Direito Constitucional, destacando questões que têm impacto diário na vida do magistrado, relacionadas ao Direito do século XXI. Além disso, abordou a questão da internet, como ela se dimensiona com a rede social, como ela ganha o papel de manifestação política e como o Direito Constitucional pode se aproveitar disso para formular constituições novas.

“A rede social demonstra que a internet foi dimensionada, deixou de ser um meio de entretenimento e passou a ser um meio de manifestações políticas. Há Estados que têm feito constituições com base em redes sociais, que é o caso da Islândia, do Marrocos e também da cidade do México, que têm produzido normas com base em redes sociais aproveitando o conhecimento dos internautas para a formulação de constituições novas”, ressaltou o promotor.

A segunda palestra foi do professor Eduardo Ribeiro Moreira. Ele destacou as mudanças que o Estado Constitucional atravessa com o ideal do neoconstitucionalismo que supera os paradigmas do jusnaturalismo e do positivismo jurídico. Ele realçou os pontos pressupostos da Teoria do Direito, que o Direito Constitucional, o juiz e, em especial, os tribunais supremos e constitucionais passam a utilizar na prática jurídica.

O desembargador André Gustavo Corrêa de Andrade, diretor-geral da EMERJ, encerrou o evento falando do tema discurso de ódio. “O Direito Constitucional permeia nossas reflexões. E um tema sensível que foi abordado indiretamente aqui é a questão do discurso de ódio”. Ele agradeceu a presença dos convidados e disse que pretende promover muitos eventos dessa natureza. “Pretendo criar uma cultura de debates a respeito de Direito Constitucional, de Democracia, de Filosofia e outras disciplinas ligadas ao Direito, inclusive arte, porque tudo é vida, tudo está interligado”, concluiu o desembargador.

Também participaram do encontro o juiz Marcos Augusto Ramos Peixoto e a advogada Luiza Alves de Castro.


8 de maio de 2019

Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional da EMERJ



Magistrados EMERJ

MAGISTRADOS

Informações sobre cursos oficiais de formação e aperfeiçoamento.

Virtual EMERJ

VIRTUAL EMERJ

Ambiente Virtual de Aprendizagem. Cursos oferecidos na modalidade a distância.

Portal Acadêmico EMERJ

PORTAL ACADÊMICO

Destinado aos alunos e professores do Curso de Especialização em Direito Público e Privado.

Eventos EMERJ Gratuitos

EVENTOS EMERJ GRATUITOS

Fóruns, seminários e ciclo de palestras destinadas ao público em geral.

Publicações EMERJ

PUBLICAÇÕES

Artigos jurídicos de diferentes áreas do direito.

Informativo EMERJ

INFORMATIVO

Divulgação de eventos, cursos e notícias.

EMERJ em Pauta

EMERJ EM PAUTA

É o programa em vídeo disponibilizado no seu canal de Youtube, destinado a estudantes, profissionais do Direito e público em geral.

Eventos Gravados EMERJ

EVENTOS GRAVADOS

Seminários e ciclo de palestras realizados pela EMERJ.

Vídeo Institucional EMERJ


VÍDEO INSTITUCIONAL

Lançamento de Livros

LANÇAMENTO DE LIVROS

Divulgação dos lançamentos de livros de autores da área jurídica.

Eventos Externos

EVENTOS EXTERNOS

Divulgação de eventos da área jurídica de outras instituições.