Milícia é tema de debate promovido pelo Fórum de Segurança Pública

clique na imagem para ampliar

“Se as milícias são verdadeiras organizações criminosas que estão dentro do Estado, como o Estado vai combater algo que está dentro dele?” A partir deste questionamento, o desembargador Alcides da Fonseca Neto, presidente do Fórum Permanente de Segurança Pública da EMERJ, abriu o evento “Milícia – Um Problema de Segurança Pública”, nesta sexta-feira, 7 de junho.

Magistrados, outros operadores do Direito, representantes das polícias civil e militar, professores, estudantes e jornalistas se reuniram para debater o tema.

O desembargador Alcides da Fonseca Neto citou casos de crimes da milícia publicados na imprensa, como o desabamento dos prédios na Muzema, comunidade da Zona Oeste do Rio, em abril deste ano, que causou a morte de 16 pessoas. Ele lembrou que depois de os prédios serem demolidos, a milícia permaneceu com o mesmo serviço imobiliário.

A palestra do delegado Cláudio Ferraz destacou a necessidade de esclarecer à população o que é crime organizado: “Organizações criminosas são empresas, são empresários visando lucro, que buscam o poder político para maximizar esse lucro. E a arma de qualquer criminoso do planeta é a corrupção”.

O deputado federal Marcelo Freixo, que foi presidente da CPI das Milícias – documento concluído em 2008, quando ele era deputado da Assembleia Legislativa do Rio (ALERJ) – ressaltou a importância do Fórum Permanente de Segurança Pública da EMERJ: “É importante esse Fórum estar chamando a sociedade para pensar um problema tão estrutural na segurança pública. É um encontro da maior importância por ser a milícia um desafio da segurança pública do Brasil, já que nasceu no Rio de Janeiro, mas não é mais uma exclusividade do Rio de Janeiro, e é o crime mais organizado que se tem”.

Marcelo Freixo destacou: “A milícia não é problema da polícia, mas de política, de escolha política”. Segundo o deputado, a milícia está representada em muitas esferas do poder: “A milícia do Rio de Janeiro é o único grupo criminoso que transformou o domínio territorial em domínio eleitoral”.

O deputado ainda ressaltou: “Milícia não é só dinheiro, milícia tem projeto de poder, se aproxima das máfias”.

E o professor José Cláudio Souza Alves fez um alerta: “ Quanto mais desigualdade na sociedade, mais se amplia o mercado da milícia”.

Participaram do encontro o desembargador Luciano Silva Barreto, vice-presidente do Fórum; o Cel. RR Íbis Pereira, membro do Fórum; Victória Amália Sulocki, diretora da Associação Brasileira dos Advogados Criminalistas (ABRACRIM/RJ); e a jornalista Flávia Oliveira.


07 de junho de 2019

Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional da EMERJ



Magistrados EMERJ

MAGISTRADOS

Informações sobre cursos oficiais de formação e aperfeiçoamento.

Virtual EMERJ

VIRTUAL EMERJ

Ambiente Virtual de Aprendizagem. Cursos oferecidos na modalidade a distância.

Portal Acadêmico EMERJ

PORTAL ACADÊMICO

Destinado aos alunos e professores do Curso de Especialização em Direito Público e Privado.

Eventos EMERJ Gratuitos

EVENTOS EMERJ GRATUITOS

Fóruns, seminários e ciclo de palestras destinadas ao público em geral.

Publicações EMERJ

PUBLICAÇÕES

Artigos jurídicos de diferentes áreas do direito.

Informativo EMERJ

INFORMATIVO

Divulgação de eventos, cursos e notícias.

EMERJ em Pauta

EMERJ EM PAUTA

É o programa em vídeo disponibilizado no seu canal de Youtube, destinado a estudantes, profissionais do Direito e público em geral.

Eventos Gravados EMERJ

EVENTOS GRAVADOS

Seminários e ciclo de palestras realizados pela EMERJ.

Vídeo Institucional EMERJ


VÍDEO INSTITUCIONAL

Lançamento de Livros

LANÇAMENTO DE LIVROS

Divulgação dos lançamentos de livros de autores da área jurídica.

Eventos Externos

EVENTOS EXTERNOS

Divulgação de eventos da área jurídica de outras instituições.